Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Literatura Brasileira

Site DLCV

 

LITERATURA BRASILEIRA

 

 

1. EMENTA

 

O programa de graduação em Literatura Brasileira oferece anualmente sete disciplinas que abrangem a literatura do país desde suas manifestações coloniais até os dias de hoje. As disciplinas de Literatura Brasileira se distribuem em quatro semestres obrigatórios e dois optativos. Literatura Brasileira I, II, III e IV compõem o Módulo Fundamental do currículo de Letras, e Literatura Brasileira V e VI, o Módulo Complementar; as disciplinas Ensino de Literatura Brasileira e Atividades de Estágio em Literatura Brasileira estão voltadas à licenciatura. O objetivo das disciplinas, em seu conjunto, é apresentar aos estudantes uma formação sólida na área, incluindo conhecimentos sobre textos de diversos gêneros, levando em conta elementos temáticos e formais, assim como a sua contextualização histórica e social. Com fundamentação consistente em historiografia, teoria e crítica, as disciplinas ofertadas sustentam perspectivas reconhecidas de análise e interpretação de obras, em diálogo continuado com pesquisas recentes. O conjunto das disciplinas permite que o aluno atue em diferentes níveis de ensino de Literatura Brasileira e que também possa desenvolver pesquisa na área, em nível de pós-graduação. Nesse sentido, tem havido nos últimos anos um incentivo crescente para as atividades de pesquisa em nível de iniciação científica.

A amplitude do programa se expressa também em suas quatro linhas de pesquisa (A prosa no Brasil, A poesia no Brasil, Historiografia e Crítica Literária, Literatura, as demais artes e outras áreas do conhecimento), assim como na variedade e abrangência dos projetos em desenvolvimento. Ao adotar uma orientação ampla, a área não estabelece exclusividade, em termos teóricos, críticos ou metodológicos, para uma linha hermenêutica específica, criando abertura para o desenvolvimento de projetos consistentes com o rigor acadêmico e os parâmetros das áreas de Letras e Ciências Humanas.

 

 

 

2. DISCIPLINAS

 

 

Literatura Brasileira I

 

 

A disciplina tem como objetivo o estudo da literatura brasileira da primeira metade do século XX, a partir das questões trazidas pelo modernismo, tais como o experimentalismo artístico e as interpretações do Brasil. A disciplina desenvolve habilidades necessárias para a formação do professor de Letras, como a capacidade de exposição oral articulada, a habilidade em contextualizar textos historicamente, a comparação de diferentes perspectivas críticas e a capacidade de expressão escrita de reflexões próprias.necessárias para a formação do professor de Letras, como a capacidade de exposição oral articulada, a habilidade em contextualizar textos historicamente, a comparação de diferentes perspectivas críticas e a capacidade de expressão escrita de reflexões próprias.

 

 

Literatura Brasileira II

 

A disciplina tem como objetivo o estudo da literatura brasileira do segundo momento do século XX, com base no exame de obras, autores, gêneros e questões significativas da produção literária bem como as especificidades de um novo contexto cultural que se desdobra em manifestações contemporâneas. A disciplina desenvolve habilidades necessárias para a formação do professor de Letras, como a interpretação de textos fragmentários, a reflexão filosófica e social sobre a linguagem, a compreensão das relações entre tradição e modernidade, a pesquisa bibliográfica, o aperfeiçoamento da capacidade de leitura de textos complexos e da expressão escrita.

 

Literatura Brasileira III

 

A disciplina tem como objetivo o estudo do Romantismo no Brasil com base no exame de obras, autores, gêneros e questões significativas da produção literária entre as décadas de 1830 e 1870. Esse estudo se faz num quadro que contempla as relações do Romantismo com a literatura colonial, com o Romantismo europeu e, também, com o pensamento crítico relativo ao período. A disciplina permite constituir habilidades importantes para a formação do professor de Letras, em especial a capacidade de reflexão histórica e de contextualização, e o aperfeiçoamento de sua expressão escrita. Além disso, aperfeiçoa a capacidade de articular conhecimentos complexos, desenvolve o conhecimento crítico referente a temas políticos importantes, como o indianismo e a escravidão, e propõe uma reflexão por parte do aluno sobre resistência na literatura.

 

Literatura Brasileira IV

 

A disciplina tem como objetivo o estudo da prosa e da poesia produzidas no Brasil entre as décadas de 1870 e 1910, com ênfase na obra de Machado de Assis, em especial nas relações que ela mantém com a produção do período romântico e com o processo histórico-social do país. A critério do professor ministrante, poderão ser contempladas também obras de outros autores, tais como Aluísio Azevedo, Raul Pompéia, Lima Barreto, Euclides da Cunha, Cruz e Sousa e Augusto dos Anjos. Nesta disciplina, o desenvolvimento de habilidades necessárias para a formação do professor de Letras consolida as funções pedagógicas de disciplinas anteriores de Literatura Brasileira. Ocorre um fortalecimento da capacidade de leitura crítica, motivado por desafios da escrita desse período. São reforçadas as habilidades de expressão escrita e articulação de ideias. FLC 0301 permite a integração de conhecimentos adquiridos em disciplinas anteriores, em favor de uma percepção histórica ampla das transformações da literatura brasileira e de suas relações com a história, o que é muito importante para sua competência profissional.

 

Ensino da Literatura Brasileira

 

A disciplina pretende proporcionar uma reflexão crítica sobre a literatura como elemento formador do aluno e do educador; discutir e avaliar estratégias metodológicas de ensino da literatura na educação básica; relacionar conteúdo de disciplinas de Literatura Brasileira com exigências da prática da licenciatura; debater sobre o lugar da disciplina Literatura Brasileira no currículo escolar do ensino médio; fornecer ao futuro professor instrumental pedagógico para uma análise crítica dos textos literários; apresentar um historio das principais vertentes da interpretação literária e seu potencial didático; problematizar os conceitos de escolas, gêneros e de estilos literários, bem como da construção do cânone; fornecer elementos para elaboração de uma história do ensino da literatura; discutir criticamente materiais didáticos em circulação; explorar níveis de compreensão de fenômenos literários conjugados a valores sociais; discutir o papel da literatura como expressão de uma cosmovisão nacional; debater questões ligadas ao relacionamento da literatura com as diversas mídias.

 

Atividades de Estágio em Literatura Brasileira

 

Propiciar a aquisição de habilidades didáticas que permitam desenvolver atividades referentes às relações entre conhecimentos adquiridos ao longo do curso de graduação em Letras e desafios práticos na sala de aula. Considerando elementos da disciplina Ensino de Literatura Brasileira, realizar atividades de preparação para a prática de ensino.

 

 

 

3. CORPO DOCENTE: ÁREAS DE ATUAÇÃO (linhas de pesquisa)

 

 

Prof. Dr. Alcides Celso de Oliveira Villaça

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Alfredo Bosi

A poesia no Brasil; prosa no Brasil

 

Prof. Dr. André Luis Rodrigues

A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Antonio Dimas de Morais

A prosa no Brasil; Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. Augusto Massi

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Profa. Dra. Cilaine Alves Cunha

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dra. Eliane Robert Moraes

A prosa no Brasil; Literatura, as demais artes e outras áreas do conhecimento

 

Prof. Dr. Erwin Torralbo Gimenez

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Fabio Cesar Alves

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Hélio de Seixas Guimarães

A prosa no Brasil; Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. Ivan Marques

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Jaime Ginzburg

A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. João Adolfo Hansen

Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. João Roberto Gomes de Faria

Literatura, demais artes e outras áreas do conhecimento

 

Prof. Dr. José Alcides Ribeiro

Literatura, as demais artes e outras áreas do conhecimento; Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. José Antônio Pasta Jr

A prosa no Brasil; Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. Luiz Dagobert de Aguirra Roncari

A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Marcos Antônio de Moraes

A prosa no Brasil; Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. Marcos Roberto Flamínio Peres

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Murilo Marcondes de Moura

A poesia no Brasil

 

Profa. Dra. Priscila Loyde Gomes Figueiredo

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dr. Ricardo Souza de Carvalho

Historiografia e Críticas literárias

 

Profa. Dra. Simone Rossinetti Rufinoni

A poesia no Brasil; A prosa no Brasil

 

Prof. Dra Telê Ancona Lopes

Historiografia e crítica literárias

 

Prof. Dr. Vagner Camilo

A poesia no Brasil; Historiografia e crítica literárias.

 

Profa. Dra. Yudith Rosenbaum

Literatura, as demais artes e outras áreas do conhecimento.

 

 

 

4. PROJETOS

 

Prof. Dr. Alcides Celso de Oliveira Villaça

Leitura de contos de Machado de Assis.

 

Prof. Dr. André Luis Rodrigues

Os sermões de Antônio Vieira.

 

Prof. Dr. Augusto Massi

A reflexão crítica de Carlos Drummond de Andrade; Ficção brasileira: da revolução de 1930 aos nossos dias.

 

Prof. Dra. Cilaine Alves Cunha

O ócio no Romantismo brasileiro; O humor e a sátira irônica na poesia do século XIX; O humor e a sátira irônica na prosa artística do século XIX.

 

Profa Dra. Eliane Robert Moraes

Figurações Literárias da Prostituta no Modernismo Brasileiro; A erótica literária no Brasil.

 

Prof. Dr. Erwin Torralbo Gimenez

Graciliano Ramos – estilo e perspectiva.

 

 

Prof. Dr Fabio Cesar Alves

Literatura e participação em Graciliano Ramos e Carlos Drummond de Andrade.

 

Prof. Dr. Hélio de Seixas Guimarães

Herança portuguesa e relações coloniais na obra de Machado de Assis; A recepção crítica da obra de Machado de Assis.

 

Prof. Dr. Ivan Marques

A poesia de Orides Fontela; Literatura e sociedade no período modernista: Mário de Andrade e Carlos Drummond de Andrade.

 

Prof. Dr. Jaime Ginzburg

O narrador na literatura brasileira contemporânea.

 

Prof. Dr. João Adolfo Hansen

Práticas de representação luso-brasileiras dos séculos XVI, XVII e XVIII

 

Prof. Dr. João Roberto Gomes de Faria

Formas da comédia e do cômico no teatro brasileiro do século XIX.

 

Prof. Dr. José Alcides Ribeiro

As teorias críticas contemporâneas e as transformações no modo de produção artística nos séculos XX e XXI: Literatura Brasileira; A linguagem literária e jornalística das seções de crônicas do Journal des Débats; A linguagem literária e jornalística das seções de crônicas do Jornal do Commercio.

 

Prof. Dr. José Antonio Pasta Jr

Paulo Emílio Salles Gomes: prosa crítica literária; Rito e romance: Lispector

 

Prof. Dr. Luiz Dagobert de Aguirra Roncari

Luta, violência e morte no Grande Sertão: Veredas: do romance de formação à narrativa épica.

 

Prof. Dr. Marcos Antônio de Moraes

A ficção epistolar brasileira: formas e estratégias; Memorialismo literário brasileiro (correspondência, diário íntimo, autobiografia, entrevistas) como fonte historiográfica. 

 

Prof. Dr. Marcos Roberto Flamínio Peres

A persistência do romanesco e as figurações da história em José de Alencar e Walter Scott.

 

Prof. Dr. Murilo Marcondes de Moura

A poesia de Paulo Henriques Britto; Murilo Mendes e o motivo do tédio; Estudos comparativos entre a poesia brasileira e a de língua francesa (Drummond e Apollinaire; Murilo Mendes e Ponge; Cabral e Baudelaire).

 

 

Profa. Dra. Priscila Loyde Gomes Figueiredo

A poesia e a prosa modernista de Mário de Andrade e Oswald de Andrade; A representação dos pobres na literatura brasileira (estudo comparativo de obras de diferentes períodos); A narrativa paulista contemporânea; Jorge de Andrade, herdeiro do modernismo paulista dos anos 20 e do romance de 30.

 

Prof. Dr. Ricardo Souza de Carvalho

História e Literatura na passagem do XIX ao XX

 

Prof. Dra. Simone Rossinetti Rufinoni

Realismo e introspecção no moderno romance brasileiro (a partir de 1930); Forma romanesca e sociedade brasileira no romance das décadas de 1940 a 1960: patriarcalismo e loucura.

 

Prof. Dra Telê Ancona Lopes

Traje de arlequim: uma biografia/ “autobiografia” de Mário de Andrade; Edição fidedigna anotada das Crônicas de Malazarte, de Mário de Andrade

 

Prof. Dr. Vagner Camilo

Modernidade, tradição e anacronismo na lírica brasileira dos anos 1940 e 1950; La voz de los libros y el cambio digital. Figuras del archivo lingüístico-literário ibérico y brasileño de los siglos áureos a la actualidad (projeto coletivo vinculado à Universidad de Salamanca).

 

Profa. Dra. Yudith Rosenbaum

Estudo da obra de Clarice Lispector; Estudo da obra de Guimarães Rosa.

 

 

5. EVENTOS DO ANO

 

 

 

9º Encontro do Grupo de Pesquisa “Relações intertextuais na obra de Machado de Assis”

7 e 8 de agosto de 2014

Organizador: Hélio de Seixas Guimarães

 

V Colóquio de Literatura Brasileira: O Golpe de 64 e a Literatura Brasileira

17 a 19 de setembro de 2014

Local: Anfiteatro de História da Cidade Universitária

Organizadores: Luiz Dagobert da Aguirra Roncari, Priscila Loyde Gomes Figueiredo e Augusto Massi

 

“Hilda Hilst – Ter sido. Estar sendo”

23 e 24 de outubro de 2014

Organizadores: Eliane Robert de Moraes e Ronnie Francisco Cardoso

 

Colóquio Internacional sobre Epistolografia

3 e 4 de novembro de 2014

Organizadores: Marcos Antonio Moraes e Antonio Dimas