Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

APARECIDA DE FÁTIMA BUENO

email: 
fabueno@usp.br
Foto: 
Resumo: 

Aparecida de Fatima Bueno concluiu o doutorado em TEORIA E HISTÓRIA LITERÁRIA pela Universidade Estadual de Campinas em 2000. Atualmente é Professor Associado da Universidade de São Paulo. Realizou Pós-Doutoramento na Universidade de Lisboa (2004-2005), com bolsa da Fapesp. Publicou inúmeros artigos em periódicos especializados e inúmeros trabalhos em anais de eventos, tanto no Brasil como no exterior. Possui diversos capítulos de livros e 2 livros publicados. Tem orientado trabalhos em nível de iniciação científica, mestrado e doutorado. Suas pesquisas exploram as relações entre Literatura, História e Cultura, com enfoques na Literatura Portuguesa Oitocentista e Contemporânea, além dos diálogos entre Literatura e Cinema. Atua na área de Letras, com ênfase em Literaturas de Língua Portuguesa. 

Projeto: 

Heterodoxias nas Literaturas de Língua Portuguesa

A origem da palavra heterodoxia, do grego heteródoxos, tem em sua matriz uma concepção de oposição ao orthódoxos: heterodoxo é o que é não ortodoxo, que se contrapõe a uma religião ou doutrina. Na cultura portuguesa há toda uma tradição, que remonta às origens literárias, de perspectiva heterodoxa em relação ao cristianismo, e que é possível de se investigar também nas outras literaturas de língua portuguesa com as quais Portugal, por motivos históricos, mantém estreita relação. Entretanto, o conceito de heterodoxia ultrapassou o campo religioso e se estendeu também para outras manifestações doutrinárias. O objetivo desta pesquisa é a análise de construções heterodoxas nas Literaturas de Língua Portuguesa, a partir de manifestações quer literárias, quer instauradoras de outros tipos de discursos

Literatura, Cinema e Cultura dos países de Língua Portuguesa: Intersecções

O objetivo desta pesquisa é analisar como se dá a tríplice relação Literatura, Cinema, Cultura, focando particularmente o universo dos países de língua portuguesa. De início, pretende-se abranger dois aspectos: 1. a partir da filmografia de Manoel de Oliveira, refletir sobre a releitura que o cineasta faz sobre os grandes mitos culturais e/ou episódios históricos que ajudam a compor uma certa imagem de seu país; 2. através, sobretudo, da adaptação para o cinema de textos clássicos da literatura oitocentista de língua portuguesa, refletir sobre o entrelaçamento das duas formas de expressão, bem como sobre os vários contextos culturais imbricados tanto na obra matriz como na obra final resultante da transposição intersemiótica.

Áreas: 
Literatura Portuguesa
Linha de Pesquisa: 

1.Estudos Culturais 2.Literatura e religião 3.Literatura e história nos países de língua portuguesa 4.Textos, Contextos e intertextos